Diretor clínico do CER/APAE participa de live da Câmara Municipal para falar sobre o ambulatório de reabilitação para pacientes pós-covid

O Diretor Clínico do Centro Especializado em Reabilitação (CER/APAE), Dr. Paulo Siufi Neto participou nesta manhã (5/5), da live da Comissão de Saúde da Câmara Municipal de Campo Grande, junto com o Secretário José Mauro de Castro, da Secretaria Municipal de Saúde (SESAU), para comentar sobre o ambulatório pós-covid da unidade da APAE de Campo Grande, que atende pacientes com sequelas da covid-19.

A live foi conduzida pelo presidente da Comissão de Saúde, o vereador Dr. Sandro, que explicou que muitas pessoas têm ficado com sequelas devido à covid-19 e muitas vezes não sabem a quem recorrer.

Explicando sobre o funcionamento do ambulatório do CER/APAE, Dr. Paulo Siufi ressaltou a importância da parceria entre a SESAU, a APAE/CG e a Universidade Federal de MS (UFMS). “Temos uma ótima parceria com a SESAU e a UFMS, que tornou o atendimento possível. O ambulatório do CER/APAE foi inaugurado em setembro do ano passado e já atendeu cerca de 292 pacientes com sequelas. Até o momento foram solicitadas 395 vagas, tendo 26 pessoas recebido alta dos atendimentos e 10 desistido”, disse.

De acordo com o médico, desde a sua inauguração, o CER/APAE já recebeu pacientes que perderam o paladar, tiveram sequelas motoras, respiratórias e até psicológicas, que precisam de reabilitação com uma equipe multiprofissional. A unidade atende desde crianças até idosos. “Nós contamos com uma equipe multiprofissional que atende os pacientes com as mais variadas sequelas resultantes da covid-19. No CER/APAE as pessoas são tratadas com todo carinho e respeito”, afirmou Dr. Paulo Siufi.

O Secretário José Mauro destacou a quantidade de atendimentos oferecidos pelo ambulatório do CER/APAE nesses sete meses de funcionamento. “Até o momento foram realizados mais de 10 mil atendimentos, dentre eles fisioterapia cardiopulmonar e motora, serviço social, cardiologista, psicologia, entre outros”, contou.

O vereador Dr. Sandro frisou a importância do atendimento às pessoas com sequelas e parabenizou a prefeitura por não medir esforços na luta contra a pandemia. “Tenho acompanhado de perto o trabalho da Prefeitura de Campo Grande, visitando diariamente as unidades de saúde, acompanhando a vacinação. É muito importante o trabalho que a SESAU tem oferecido junto ao CER/APAE. Aliás, parabenizo aqui todos os profissionais de Campo Grande por salvar muitas vidas e ajudar tantas pessoas”, parabenizou o parlamentar.

Também participaram da live a Superintendente de Assistência em Saúde, Ana Paula Resende e a Superintendente de Relações Institucionais, Eliana Dalla Nora.

Como receber atendimento no ambulatório pós-covid?

Os pacientes com sequelas devem procurar uma Unidade Básica de Saúde e solicitar o encaminhamento para o CER/APAE, via Sistema de Regulação (SISREG).

O ambulatório do CER/APAE é o primeiro 100% SUS (Sistema Único de Saúde) do Brasil. O local conta com profissionais, como Médico Fisiatra, Cardiologista, Pediatra, Neurologista, Fisioterapeuta, Terapeuta Ocupacional, Enfermagem, Nutricionista, Psicólogo, Assistente Social e Fonoaudiólogo.

*Com fotos CMCG

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *